Como escovar dente do seu Pet? Veja algumas dicas

Os cuidados com a higiene bucal do seu amigo de quatro patas devem ser realizados diariamente. Afinal, só assim, você previne alguns incômodos e doenças. No entanto, muitos tutores têm dúvidas sobre como escovar dente de cachorro, por isso, às vezes, deixam a tarefa de lado.


Este é um erro grave, já que a saúde bucal dos companheiros do reino animal é tão importante quanto a nossa, por isso requer atenção. Já imaginou como deve ser incômodo ter uma sujeirinha entre os dentes durante dias? É o que acontece quando você não escova os dentes do seu bichinho.

Pensando nisso, o blog da Papapets preparou um guia completo para explicar a necessidade da escovação para o pet, além de ensinar como escovar dente de cachorro de maneira adequada.


Quando escovar os dentes do cachorro?

Não sabe como limpar os dentes do cachorro? Primeiro, é importante entender o momento certo de realizar essa tarefa, evitando que haja um estresse desnecessário durante a escovação.

Mesmo que tenhamos o costume de escovar os dentes depois do almoço, para os nossos companheiros de quatro patas, esse é um péssimo período. Isso porque eles estarão de barriga cheia, ficando irritados e podendo até passar mal.


Assim, uma dica é escolher um horário em que eles estejam calmos e bem relaxados. Pode ser depois de brincar ou até no final do dia, quando já realizaram todas as refeições e começam a ficar cansados.


Para aprender como escovar dente de cachorro de modo bem-sucedido, é imprescindível criar uma rotina. Assim, ele não irá estranhar ou se agitar. Portanto, realize essa prática todos os dias, no mesmo horário.


Ao escovar o dente de cachorro diariamente, você previne tártaro, mau hálito, doenças na gengiva, entre outros problemas. Além disso, garante que o pet não sinta dores na região da boca.


O que fazer se o cachorro estiver sentindo dor?

Se o seu bichinho já está apresentando alguns problemas, como tártaro, mau hálito ou até incômodo na gengiva, você deve procurar um dentista-veterinário.

Ele fará um diagnóstico completo da saúde bucal do amigo peludo. Além disso, poderá te ensinar como limpar os dentes do cachorro de maneira adequada e indicar tratamentos, caso sejam necessários.


Como escovar dente de cachorro

Realizar a escovação bucal de um pet pode ser um momento de muito estresse, pois ele tende a ficar desconfortável e bravo. Por isso, separamos abaixo algumas dicas para você escovar os dentes do seu peludinho com tranquilidade.

  • Primeiro, tenha em mente que, em algum momento, o peludo ficará bravo e não deixará você escovar os dentes dele. Por isso, é fundamental escolher a melhor hora para realizar essa tarefa com muita paciência;

  • Depois de definir o melhor momento, utilize produtos próprios, como escova e pasta de dente para cachorro. Nunca use itens desenvolvidos para humanos;

  • Quando iniciar a escovação dos dentes do cachorro, procure não fazer muita força para não machucar a gengiva do pet;

  • Escove os dentes em movimentos circulares. Assim, a limpeza será mais efetiva.

No final do processo, lembre-se de tranquilizar o seu amigo de quatro patas para ele ficar mais calmo. Você pode recompensá-lo com um petisco da Papapets para criar um reforço positivo. Assim, o pet associa a escovação a um bom momento, tornando a tarefa cada vez mais fácil para você.


Não se preocupe se o seu cão comer o creme dental para cachorro, pois ele não é tóxico e pode ser ingerido sem nenhum problema. Por isso, lembre-se: é superimportante utilizar produtos próprios para os cuidados com o cachorro, evitando maiores problemas para a saúde dele.


A importância da higiene bucal para cães

Mesmo que não seja uma prática tão popular, a escovação dentária dos nossos amigos de quatro patas não pode ser deixada de lado. Isso porque a proliferação de bactérias na área bucal pode causar diversas doenças que colocam a saúde do pet em risco.


O problema mais comum é a chamada doença periodontal, causada pelo acúmulo de tártaro nos dentes. Além do incômodo e do mau hálito de cachorro, o desenvolvimento dessa doença pode causar a inflamação das gengivas e, em estado avançado, a perda de alguns dentes.


A falta de higiene na boca pode trazer consequências para alguns órgãos do cachorro, como o coração, os rins, o fígado e os pulmões. Nesse caso, pode acontecer um quadro infeccioso, que afeta muito a saúde do bichinho e oferece graves riscos.


Por isso, nunca deixe de fazer a higiene bucal correta do seu peludo e levá-lo nas consultas com o médico-veterinário odontologista regularmente. Inclusive, em nosso blog, você encontra vários conteúdos para aprimorar o cuidado do seu amiguinho.